Saiba mais

Aqui você encontra informações básicas sobre o que é a energia fotovoltaica, como ela é produzida e como ela funcionaria na sua casa ou empresa, além de informações relevantes sobre sustentabilidade e retorno financeiro. Se você ainda tiver dúvidas, visite a seção Perguntas Frequentes, que esclarece as dúvidas mais comuns sobre energia fotovoltaica.

 

O que é energia fotovoltaica

É a energia elétrica produzida a partir da luz solar.


Como a energia fotovoltaica é produzida

O princípio de produção de energia fotovoltaica é simples e consiste na conversão da luz solar em energia elétrica. Quando a luz solar incide sobre as chamadas células fotovoltaicas, os elétrons presentes nessas células entram em movimento, gerando, assim, energia elétrica na forma de corrente contínua. Posteriormente, em um inversor, essa energia é convertida de corrente contínua em corrente alternada para que se torne adequada para o consumo.

saiba-mais-06.png

Como um sistema de energia solar fotovoltaica funcionaria na sua casa ou empresa

Primeiramente, são instalados os painéis solares, compostos por células fotovoltaicas. São esses painéis os responsáveis por gerar energia elétrica a partir da luz solar. Em seguida, esses painéis são ligados a um inversor solar, que vai converter a energia gerada pelos painéis em energia elétrica que pode ser efetivamente usada na sua casa ou empresa. Essa energia proveniente do inversor é enviada ao quadro de energia. É nele que o sistema de energia solar fotovoltaica se conecta à rede elétrica. Finalmente, a energia pode ser distribuída e usada para o consumo. Um medidor controla a quantidade de energia produzida, e o seu valor é descontado da sua conta de luz. Caso haja excedente, ele é devolvido à rede, podendo ser posteriormente usado, o que se conhece como sistema de compensação de energia (Net Metering), principal mecanismo da geração distribuída.

saiba-mais-05.png

Entendendo a geração distribuída de energia elétrica

A geração de energia durante o dia é maior do que o consumo nesse mesmo período. Há, portanto, um excedente de energia, que é enviado à rede da concessionária. Durante a noite, quando não há geração de energia, é possível receber de volta energia proveniente dessa mesma rede. Para otimizar o custo-benefício do investimento, o sistema é dimensionado com uma potência ideal para que esse envio e recebimento de energia da rede seja, em média, de igual proporção.

Caso a geração seja muito maior do que o consumo, o cliente poderá usufruir dos créditos em até 60 meses, seja para reduzir o valor de sua conta de luz ou da conta de terceiros.

Modelos GD (só abrange os sistemas de até 5Mw de
potência instalada):
• Geração junto à carga: geração de energia no próprio local de consumo.
• Autoconsumo remoto: geração em local diferente de onde ocorrerá o
aproveitamento de créditos. Desde que a mesma pessoa ou empresa seja a
proprietária tanto da unidade geradora quanto da(s) beneficiada(s).
• Geração compartilhada: geração em local diferente de onde ocorrerá o
aproveitamento de créditos. Nesse caso, a unidade geradora pode beneficiar
unidades de terceiros.
• Múltiplas unidades consumidoras (condomínio solar): igual à geração
compartilhada, mas com as unidades beneficiadas em uma mesma
propriedade ou em propriedades contíguas. Ou seja, uma geração para
beneficiar um condomínio inteiro.

Para saber ainda mais, consulte os documentos seguintes:

• Resolução Normativa no 482/2012, da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL)

 Resolução Normativa no 678/2015, da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL)

• Micro e Minigeração Distribuída, Caderno Temático da ANEEL (2016)

Potencial brasileiro

No que diz respeito ao potencial de geração de energia fotovoltaica, o Brasil é um país privilegiado. Mesmo as áreas com menores índices de radiação solar recebem, em média, mais luz solar do que o resto do planeta. Isso faz do Brasil um país ideal, com um imenso potencial energético fotovoltaico.

Brasília, por exemplo, recebe em média uma insolação de 5,8 KWh/m² por dia, enquanto Berlim, a capital da Alemanha, país pioneiro e referência no setor, recebe aproximadamente apenas 3,5 KWh/m².

Solargis-World-GHI-solar-resource-map-en.png

Fonte: GHI Solar Map © 2017 Solargis


Sustentabilidade

Ao adotar o sistema fotovoltaico em sua casa ou empresa, você está optando por uma das melhores alternativas de geração de energia, tanto para você quanto para o planeta. Além dos benefícios financeiros, discutidos a seguir, a energia solar apresenta grandes vantagens para o meio ambiente. Em primeiro lugar, a oferta de luz solar é inesgotável e a sua captação não tem impacto ambiental. Além disso, as células fotovoltaicas não produzem resíduos, o que torna essa modalidade de geração de energia uma opção limpa.

1KWh (Quilowatt-hora) gerado por energia fotovoltaica previne

saiba-mais-07.png

Retorno financeiro

Um sistema de energia solar fotovoltaico, seja na sua casa ou na sua empresa, também traz diversos benefícios econômicos para você. Em primeiro lugar, ao financiar o investimento nesse sistema, você encontrará ótimas condições, com taxas de juros baixas e prazos longos para amortização. Em segundo lugar, com o sistema instalado, você ganha autonomia em relação a possíveis aumentos na tarifa de energia, ou seja, você garante economia na sua conta de luz. Dessa forma, você ganha maior controle sobre as suas despesas mensais com energia. Finalmente, em médio e longo prazo, você valoriza o seu patrimônio em aproximadamente 5%, assegurando um excelente investimento.

Outros benefícios:

• Retorno de investimento (payback) entre 4 e 5 anos.
• Altos valores de VPL e TIR no investimento.
• Grande vida útil (redução de apenas 20% de eficiência do sistema após 25 anos).
• Baixos custos de manutenção e limpeza.

..
SIMULADOR DE INVESTIMENTO

Informe o valor mensal médio de sua conta de energia:

OU

Informe o consumo mensal (KWh) médio de sua conta de energia:

* Para marcar uma visita técnica ou saber mais entre em contato pelo (61) 3772-6458 ou agende por aqui.